Identidade Corporativa

Atualmente, os valores da empresa são levados muito em conta. Há muito tempo, empresas com bons produtos eram suficientes. Mas, hoje em dia, os consumidores buscam por algo a mais: querem empresas com objetivos, com valores e com metas cabíveis com o próprio comportamento do cliente.

Entenda o que é a Identidade Corporativa

A Identidade Corporativa, ligada às grandes, médias e pequenas instituições, é caracterizada por um conjunto de valores, crenças, características e visões da corporação em questão. Mas, afinal, para que isso? A Identidade Corporativa tem como intenção mostrar seus diferenciais perante os concorrentes que vendem os mesmos tipos de produtos ou serviços.

Vamos dar um exemplo. Você quer matricular o seu filho em uma escolinha. Você irá preferir a que é toda trabalhada em valores, que tem um calendário acadêmico relacionado com aspectos culturais, que valoriza a ideia das crianças, ou uma escola que não tem valores a passar, que não tem visões, que não busca aprimoramentos? A resposta é simples.

 

Sendo assim, a Identidade Corporativa também pode ser chamada da “personalidade de uma empresa”, já que todos esses conceitos irão definir como a empresa é, como ela age, como ela se planeja, como ela trabalha e atua no mercado de trabalho.

 

Níveis básicos para Identidade Corporativa

O primeiro nível básico é em relação à comunicação corporativa, que, como o próprio nome já diz, são todas as etapas de comunicação que ligam as empresas com seu público.

Já a Identidade Visual, segundo nível, é aquilo que faz com que as pessoas lembrem da sua empresa: códigos, símbolos, logotipos e outras marcas visuais da instituição. Vale fazer um parêntese aqui em relação à identidade visual, um dos mais importantes níveis de Identidade Corporativa da empresa, pois muitos são os indivíduos que só lembram de marcas e empresas pelos símbolos, códigos, cores e imagens que colocam no mercado. A identidade visual é praticamente um rosto para a empresa, pois é assim que ela será lembrada. Essas identidades gráficas são capazes de se identificar com o público interno e externo, e aparece muito na mídia e nos portais da internet.

 

O terceiro passo para a Identidade Corporativa consiste no Comportamento Corporativo, que são todas as ações da empresa relacionadas com o mercado em que atua. Nesse nível, é indispensável falar sobre a necessidade de se relacionar também com os stakeholders (indivíduos que influenciam o andamento da empresa, positiva ou negativamente de fora).

Por fim, temos também a Cultura Organizacional, que são as missõ

 

es, crenças e valores seguidos pelos funcionários que atuam nessa empresa, que são defendidos a qualquer custo.

Nos dias de hoje, principalmente depois da invenção e popularização da internet, a

 

criação desses quatro níveis para a sua instituição é cada vez mais importante, pois é dessa forma que ela será não só reconhecida no mercado, mas será também lembrada.

Há de se concluir, então, que a Identidade Corporativa é um dos maiores patrimônios de uma empresa, pois é com esses quatro níveis que a mesma começa a ser fixada na mente dos consumidores, por meio das ações e valores que expõe. A intenção da Identidade Corporativa é passar credibilidade, confiança e segurança ao cliente, que passará a escolher sempre os seus serviços ou produtos.